Banner Reabilitarte intsituto de pesquisa e reabilitação do sistema neurolocomotor
O ReAbilitArte Projetos Missão Quem somos? Eventos Participe ! MÍDIAS Webmail

Alun@ da UFRJ : você quer contribuir para deixar
a sua Universidade mais acessível?

Se LIGA AÍ : o projeto ReAbilitArte abre uma CHAMADA para
seleção de 5 BOLSISTAS EXTENSIONISTAS
enviar documentos até 14/5/2017 para <jchouzel@reabilitarte.org>
- EXCLUSIVAMENTE PARA ALUNOS DE GRADUAÇÃO ou PÓS-GRADUAÇÃO da UFRJ -
3 VAGAS para Ciências da Saúde, Ciências Sociais, Artes e afins
(organização e animação de oficinas de sensibilização e mutirões de mapeamento nos campi)
2 VAGAS para Ciências da Computação e afins
(webdesign, programação web e mobile, gestão de dados, redes e big data)


Ação afirmativa: De acordo com o Decreto No 7.416 de 30/12/2010, que regulamenta a concessão de bolsas para desenvolvimento de atividades de ensino e extensão universitária e com as medidas afirmativas em vigor na UFRJ, a seleção dos bolsistas para este projeto irá considerar prioritariamente as demandas dos alunos em condição de vulnerabilidade socioeconômica. Encorajamos, portanto, a candidatura de alunos negros, indígenas e minorias étnicas, LGBTT, estudantes provenientes da rede pública de ensino e/ou de família de baixa renda. Porém, devido a natureza do projeto, alunos COM QUALQUER DEFICIÊNCIA TERÃO PRIORIDADE NO PROCESSO SELETIVO.
Além dos alunos de graduação candidatos à bolsa de extensão, o projeto também está aberto a receber inscrição de alunos curriculares (não bolsistas)

Em 2017, o projeto de extensão ReAbilitArte irá expandir o levantamento das condições de acessibilidade arquitetônica dos campi da UFRJ através de Oficinas e Sensibilização (em parceira com o Núcleo Sensibiliza-UFF e o Instituto NovoSer), e de Mutirões de mapeamento no terreno, através do app MAiRAA "Mapas de Acessibilidade Inteligentes - ReAbilitArte" inteiramente desenvolvido por alunos de graduação da UFRJ.

acessibilidade UFRJ e responsabilidade de todos

O ReAbilitArte é um grupo de amigos (alunos, técnicos, docentes, voluntários) que procuram melhorar o futuro e o dia-a-dia das pessoas com deficiência. Realizamos pesquisas, eventos, discussões, encontros, oficinas.. (confira os últimos eventos: programações e mídia).

Acessibilidade universitária? O último Censo avaliou que metade das pessoas com deficiência que possuem um emprego recebem ATÉ UM sálario mínimo. Isto é dramático e só poderá ser revertido quando todos tiveram acesso as instituções de formação superior. Hoje na UFRJ, temos apenas 0,7% de pessoas com deficiência, enquanto são quase 25% na população geral brasileira. Um dos motivos por essa exclusão é a falta de preparo dos locais. Utilizando a "inteligência coletiva" e as tecnologias digitais, podemos hoje criar um mapa colaborativo da acessibilidade, mobilizando uma rede de pessoas que contribuam para alimentar esse mapa com seus obstáculos, suas experiências e soluções para construirmos universidades e cidades cada vez mais acessíveis a tod@s.

O projeto Mapas de Acessibilidade Inteligentes (MAIRAA):
- Em 2013, o 1o Fórum Universitário de Acessibilidade criou essa rede de pessoas motivadas, e reuniu especialistas em acesibilidade para discutir possíveis metodologias para diagnosticar as condições de acessibilidade arquitetônica nas UniversidadesJuntamos vários alunos e grupos da Computação, Geografia, Fisioterapia, Terapia Ocupacional, Tecnologia Assistiva, Fonoaudiologia, Arquitetura, Belas Artes,.. para elaborar uma estratégia eficaz de mapeamento das rotas, salas, sanitários, bibliotecas, etc. em alguns prédios do Campus.
- Em 2015,2o Fórum de Acessibilidade e Tecnologia Assistiva da UFRJ reuniu novamente e ampliou esta rede. Em sessões organizadas em parceria com a Agência UFRJ de Inovação, o NCE, o Laboratório Trabalho&Formação da COOPE e a SuperEst, reunimos mais de vinte ações de ACESSIBILIDADE, TECNOLOGIA ASSISTIVA, FORMAÇÃO PROFISSIONAL ou INCLUSÃO LABORAL coordenadas na UFRJ. Veja no link abaixo os videos descrevendo alguns projetos da UFRJ (Confira os vídeos descrevendo alguns projetos da UFRJ)
Lançamos a nova MARCA DA ACESSIBILIDADE na UFRJ e a versão "beta" do aplicativo "Mapas de Acessibilidade da UFRJ" para Android e Windows.
Também planejamos e avaliamos novas estratágias de ação junto às Pro-Retorias da UFRJ e ao Ministério Público. - Em Setembro de 2016, o Magnifico Reitor da UFRJ, Prof Roberto Leher, instalou o Fórum Permanente uFRJ Acessível e Inclusiva, a como espaço regular de discussão, elaboração e suporte ao desenvolvimento e implementação da política institucional em acessibilidade. Hoje organizado em três Câmaras (Legislação, Assuntos Acadêmicos, Acessibilidade e Qualidade de Vida), o Fórum Permante UFRJ Acessível e Inclusiva tem reuniões ABERTAS à toda a comunidade (alunos, técnico-administrativos, docentes, terceirizados, voluntários), na terceira quinta-feira de cada mês. Acompanhe as principais noticiais no FaceBook do Fórum.
O mapeamento coletivo da acessibilidade das instalações de todos os campi da UFRJ representa uma ferramenta importante e uma ação prioritária para orientar as ações das instâncias dirigentes da UFRJ
- Agora, tendo em mãos a ferramenta, boa vontade, e apoio dos dirigentes da UFRJ, está na hora de arregaçar as mangas para deixar nossa UFRJ menos inacessível! Para isto, vamos começar mapeando as condições arquitetônicas dos campi, para termos uma visão completa e atualizada dos problemas e elaborarmos, juntos, soluções práticas para inclusão. O MAIRAA não é apenas uma ferramenta para identificar problemas e reclamar, mas também serve para unir as forças proativas. Portanto, trabalhamos em cooperação com as demais instâncias da UFRJ (Agência de Inovação UFRJ ; Divisão de Inclusão, Acessibilidade e Assuntos Comunitários ; Reitoria e PRs ; Prefeitura Universitária ; Escritório Técnico ; e colegas de muitos outros projetos inclusivos...) bem como grupos e indivíduos da sociedade civil, com ou sem deficiência (Sensibiliza-UFF, Instituto NovoSer, voluntários).

Quer ver como fica?
1) ESTADO DAS CALÇADAS (Video):
 Lembre como era ANTES da reforma da calçada entre HU e BRT realizada pela PU: 
(Trecho de 3 min,
COM LEGENDA: clique o controle "CC" abaiox do video, e afasta seu mouse da janela)

2) MAIRAA versão WEB (teste)
Abaixo você pode ver uma versão Web, ainda muito PRELIMINAR, da região CCS-Hospital Universitário- Escola de Educação Infantil- Terminal BRT, com códigos de cores indicando o nível de acessibilidade das calçadas APÓS realização da reforma pela PU do trecho ilustrado no video acima.
Experimente navegar no mapa e clicando nos ÍCONES COM ESTRELAS para fazer aparecer pop-ups com fotografias dos locais.
No interior do prédio do CCS, veja os banheiros, balcões, elevadores, vagas de estacionamento,etc... Também experimente selecionado CAMADAS para visualizar os andares do prédio.
Fazendo Zoom-out no GoogleMaps, veja quanto ainda falta na Ilha do Fundão, e nos demais prédios da UFRJ (áreas em AMARELO claro na Praia Vermelha, IFCS, Escola de Aplicação, Xerém, Macaé,..).
JUNTOS, vamos alimentar esse mapa, antes de expandi-lo para fora da UFRJ!

3) APP Android (versão piloto 1.1)
 Abaixo são alguma telas do APLICATIVO para dispositivos portáteis (telefone celular com sistema Android): 

Exemplos de telas do aplicativo MAIRAA para Android



Então, VOCÊ tem VONTADE, AFETO, TEMPO e DISPOSIÇÃO
para COLABORAR com o PROJETO?

1) Informe-se a respeito do Projeto "MAIRAA: Mapas de Acessibilidade Inteligentes da UFRJ". Visite os links indicados acima, para entender melhor o projeto, ou mande email para <jchouzel@reabilitarte.org>.

2) Considere se está REALMENTE MOTIVAD@ e DISPONÍVEL para colaborar ativamnte no projeto.
(nos reunimos principalmente nas 4a e/ou 6a-feiras de tarde, principalmente no Campus do Fundão).

3) Verifique se preenche todos os requisitos (Edital PROFAEx 128/2017. Cápitulo II: CONDIÇÕES PARA CONCESSÃO DE BOLSA):
a) Estar regularmente matriculado em curso de ensino médio, graduação ou pós-graduação stricto sensu da UFRJ, no ano letivo em curso (2017).
b) Ter disponibilidade de horário para execução das atividades propostas (nos reunimos principalmente nas 4a e/ou 6a-feiras de tarde).
c) Não ter sido anteriormente excluído de nenhum programa institucional de bolsas devido a desempenho insatisfatório.
d) Não acumular bolsa de extensão ou qualquer outro tipo de bolsa de fomento proveniente de órgãos públicos (Pode receber BAUX ou bolsa de permanência).
e) Não possuir vínculo empregatício.
f) possuir conta CORRENTE PRÓPRIA no BANCO DO BRASIL, já cadastrada no SIGA (NÃO pode ser conta conjunta nem poupança).

4) Veja se enquadra num desses PERFIS DE BOLSISTA (5 bolsas tipo III, R$ 400,00 mensais):
BOLSISTA #1-2-3: Curso: qualquer curso de Ciências da Saúde, Ciências Sociais, Belas Artes ou afins.
Atribuições: organizar e coordenar a animação das oficinas de sensibilização e dos mutirões de mapeamento nos campi da UFRJ. Preparar material de divulgação dos eventos. Coordenar os eventos nos diveros campi.

BOLSISTA #4-5 : Curso: Ciências da Computação, Geografia , Engenharias e afins.
Atribuições: desenvolvimento das novas funcionalidades do App, mais especificamente a parte FrontEnd das interfaces Web e Android. Webdesign,
gestão de servidores de redes e big data.

5) Junte os seguintes DOCUMENTOS:
Baixe no seu computador o TERMO de compromisso.
Preenche, assine e salve o termo em DOC ou PDF.
Junte e anexe os seguintes documentos: CPF, CRID.
Informe os seguintes dados:
DRE, CPF, conta corrente no Banco do Brasil (esta já deve estar cadastrada no seu SIGA !!)
Nome completo, email, telefone, horários semanais disponíveis em 2017/1 e 2017/2.
Mande-os num ÚNICO email para <
jchouzel@reabilitarte.org> com assunto: "SEUNOME BolsaPROFAExReAbilitArte".


6) Qual prazo?
Até, no máximo, DOMINGO dia 14 de Abril, para encaminhar sua documentação COMPLETA por email para <jchouzel@reabilitarte.org>.
Você receberá confirmação de bom recebimento pelo time ReAbilitArte.
Após verificação da documentação, @s candidat@s pré-selecionad@s serão contatados pelo coordenador do projeto, para uma ENTREVISTA segunda-feira 15/5, das 13 as 14h, na sala F1-003 do CCS (Laboratório de Fronteira em Neurociências - ICB), ou por SKYPE caso houver dificuldades para comparecer no local.


7) Precisa de ajuda?

Caso você precisar de qualquer assistência com acessibilidade, ou tiver dúvida a respeito da adequação entre SUA DEFICIÊNCIA e o PROJETO, mande email para Jean <
jchouzel@reabilitarte.org>, e marcararemos uma conversa presencial ou virtual para estudarmos juntos quais podem ser nossas opções. Sua participação é fundamental e faremos o possível para que esteja na nossa equipe!

Caso você tiver dificuldade para ESCANEAR ou ENVIAR os documentos por email, entre em contato com Jean <
jchouzel@reabilitarte.org> que dará instruções sobre como entregar uma versão impressa de todos os documentos.

Edital PROFAEX 128/2017.


imagens projetos MAPAS


contato@reabilitarte.org
facebook
Educação
Pesquisas
Mapa de Acessibilidade
D´EfiCiência